Ao utilizar este site, concorda com o uso de cookies de acordo com a nossa Política de Cookies.

concordo

Espontâneos do Fado

Em 2010 o Museu do Fado dá continuidade ao ciclo Espontâneos do Fado, uma iniciativa coordenada por João Gil, que representa um desafio a diversas personalidades das mais distintas áreas para que, em ambiente de tertúlia, interpretem os fados da sua eleição.

No ciclo Espontâneos do Fado passaram pelo palco Luís Represas, Catarina Wallenstein, Manuel Marques, Herman José e Pedro Patrocínio, que aceitaram o convite de João Gil de vestirem a pele de fadistas por uma noite.

João Gil tem a seu cargo a escolha dos intérpretes e, através de pequenos ensaios, explorar com os intervenientes uma interpretação personalizada e potenciadora da voz de cada um, para os fados que os próprios escolhem cantar.
As sessões dos Espontâneos do Fado têm periodicidade mensal e decorrem no espaço do café do Museu do Fado, sempre às segundas-feiras, a partir das 22h00.

<br>

<br>

<br>

<br>

<br>

<br>